O que é processo de onboarding? Qual é a sua importância para as equipes?

Mayk | outubro 28, 2022

Imagem artigo

Uma maneira interessante de se pensar sobre o ambiente de trabalho é comparando-o a um ecossistema. Na natureza, esse termo se refere a uma comunidade de organismos e a maneira como eles interagem entre si e com o meio enquanto realizam suas funções.

 

Ecossistemas funcionam por meio do equilíbrio. Cada organismo possui suas próprias tarefas, as quais contribuem para o coletivo e mantêm o sistema funcionando. Se mudarmos a palavra “organismo” por “colaboradores”, essa descrição resume muito bem o ambiente de trabalho.

 

Assim como nos ecossistemas, mudanças em uma organização afetam a maneira como as coisas funcionam. Entre outras coisas, a adição de um novo colaborador causa mudanças nas dinâmicas do trabalho e deve ser um elemento considerado pelos gestores.

 

Esta contextualização reforça a importância de entender o que é processo de onboarding e a necessidade de fazer adaptações para que a entrada do novo funcionário não atrapalhe a organização interna.

 

O tema central deste artigo do Peixe 30 é a adaptação de novos colaboradores, um assunto que gera muitas dúvidas e queremos ajudá-lo. Boa leitura!

Entenda o que é processo de onboarding

Em tradução livre, a palavra em inglês “onboarding” significa “embarcar” ou “a bordo”. Em alguns dicionários é possível até mesmo explicar o termo como “integração”. Todas essas definições são acuradas e nos ajudam a entender o que é onboarding no universo corporativo.

 

Em uma organização, o processo de onboarding se refere às etapas envolvidas na adição de um novo colaborador. Apesar disso, é importante notar que nem toda empresa adota esta prática.

 

Isso acontece porque a aplicação de um processo de onboarding envolve diferentes etapas e uso de técnicas e ferramentas conhecidas por profissionais de Recursos Humanos. Em uma organização bem estruturada, esta medida é usada rotineiramente.

 

Qual é a importância do processo de onboarding?

A existência do onboarding está bastante relacionada com a necessidade de uma integração que não prejudique o trabalho realizado até aquele momento. Trazendo de volta o exemplo do ecossistema, a ideia é não causar uma ruptura no equilíbrio no ambiente.

 

Por conta disso, processos de onboarding fazem parte da gestão estratégica de pessoas e oferecem benefícios tanto para a organização, quanto para o novo colaborador. Uma contratação traz mudanças consideráveis para a vida do profissional, que podem ser mais suaves com uma introdução bem feita.

 

Alguns dos principais benefícios incluem a retenção de talentos e redução do turnover, maior motivação de todos os colaboradores (tanto os que acabaram de chegar quanto os veteranos), melhor integração dos trabalhos e o crescimento da organização.

Como realizar um processo de onboarding?

Ao entender o que é processo de onboarding, é interessante iniciar a sua implementação dentro da empresa. Para isso, é necessário considerar o que a área de Recursos Humanos chama de “4Cs”: a Conexão, a Conformidade, a Cultura e a Clarificação.

 

Por meio do detalhamento das etapas abaixo, cada um desses termos ficará um pouco mais claro.

Antes do início das atividades

O processo de onboarding começa antes mesmo da contratação de um novo funcionário. O recrutamento e a seleção têm papel primordial aqui, preparando candidatos para o que eles podem esperar da organização e dos trabalhos cotidianos, caso sejam contratados.

 

Algumas das principais ferramentas utilizadas nessa etapa do processo de onboarding são kits de boas-vindas, envio de materiais institucionais (de maneira física ou digital) e o convite para que novos colaboradores conheçam o escritório antes do início das atividades.

Nos primeiros dias, semanas e mês

Concluído o recrutamento e iniciado o primeiro dia de trabalho, o processo de onboarding continua! Nessa fase pode-se realizar um tour pelas áreas da empresa, apresentando times e a arquitetura do local. Isso ajuda na climatização dos colaboradores.

 

Também é importante rever as responsabilidades da vaga, alinhar as expectativas (o que já deve ser facilitado na etapa anterior), realizar treinamentos e capacitações e acompanhar de perto a adaptação do novo colaborador. Tudo isso, sempre oferecendo suporte!

Nos primeiros três meses

Essa terceira (e última) etapa do processo de onboarding está muito ligada à garantia da inclusão do novo colaborador no ambiente de trabalho. A ideia é permitir que ele integre a equipe e se sinta parte do todo, deixando para trás a ideia de que é alguém “novo”.

 

Isso pode ser feito de diferentes formas, inclusive em atitudes simples como um convite para almoçar com o restante da equipe. Durante toda etapa, os profissionais do setor de RH deverão oferecer feedbacks e esclarecer quaisquer dúvidas que possam surgir.

Diferenças entre onboarding, offboarding, crossboarding e ongoing

O termo “onboarding” pode algumas vezes vir associado a palavras semelhantes. Algumas delas são: “offboarding”, “crossboarding” e “ongoing”. De maneira geral, cada uma se refere a um processo diferente relacionado à mudanças dentro de uma organização.

 

Offboarding”, por exemplo, é o processo de desligamento de um colaborador. “Crossboarding” está relacionado a uma alteração considerável de funções e tarefas (geralmente a consequência de uma transferência, promoção ou mudança de cargos).

 

Por último, “ongoing” é o processo contínuo da boa relação entre colaboradores e organização. É possível interpretá-lo como uma etapa posterior ao onboarding, garantindo que colaboradores já completamente agregados mantenham-se na equipe.

 

Exigir trabalho duro logo de cara pode parecer a ideia mais simples, mas qualquer profissional de RH poderá dizer que essa é a receita para uma alta taxa de rotatividade. Diante disso, entender o que é processo de onboarding e incorporá-lo dentro da empresa é uma forma efetiva que gera muitos benefícios para todas as partes envolvidas.

 

Os gestores da organização e os profissionais de RH precisam compreender que lidar com pessoas exigirá uma atualização constante dos processos e testes para ver o que funciona melhor dentro da empresa. Aqui no Peixe 30 você encontra histórias de outros profissionais, pode trocar experiências e descobrir novas metodologias que podem potencializar seus resultados.

 

O aplicativo está disponível para usuários IOS e neste link para Android.

 

Após aprender aqui o que é processo de onboarding, compartilhe este conteúdo com os seus colegas!

O que você achou disso?

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Você gostou desse artigo?

  • linkedin
  • facebook
  • twitter

ENCONTE O QUE VOCÊ PRECISA

O QUE TEM POR AQUI?

Aqui você encontra artigos sobre recolocação, ascensão e visibilade profissional, estratégias para composição curricular, mudanças na carreira e dicas de aprimoramento pessoal.

ÚLTIMOS ARTIGOS

Exemplo de texto para envio de currículo por e-mail. Conquiste o recrutador!

Todo processo seletivo começa com uma inscrição, a qual pode ser feita de diferentes formas....

Como se destacar no estágio? Conquiste sua efetivação!

Nos últimos meses de 2023, a taxa de desemprego reduziu no Brasil. Isso é positivo...

Como responder sobre pretensão salarial? Aprenda a calcular

No mercado de trabalho, falar sobre aspectos monetários acaba sendo um tabu. É claro que...

Que roupa usar em uma entrevista de emprego? Veja dicas de como se vestir!

É comum ter dúvidas e insegurança ao buscar a primeira oportunidade profissional ou mesmo uma...

Entrevista técnica: o que é e como conduzi-la? Veja algumas dicas!

Sempre existe mais de uma forma de realizar o mesmo trabalho. Quanto mais experiente for...

O que é entrevista semiestruturada? Aprenda quando usar este modelo!

Quando falamos a respeito das etapas em processos seletivos, existem inúmeras maneiras de conduzir cada...

ASSUNTOS

TEMAS

Como se recolocar no mercado de trabalho? Veja dicas efetivas

Como se recolocar no mercado de trabalho Ler mais

Quando falamos sobre a vida profissional, é preciso considerar que não existe um tempo “certo” ou “errado” para absolutamente nada. Desta forma, em diversos momentos da sua jornada, pode ser interessante ter o conhecimento sobre como se recolocar no mercado de trabalho.   Em um mundo em constante evolução, acaba […]

O que é transição de carreira? Descubra por onde começar!

O que é transição de carreira Ler mais

Embora isso não seja frequentemente discutido, a verdade é que muitos profissionais não possuem caminhos lineares. Boa parte das histórias de sucesso lidam com profissionais de uma área que percebem talentos e recebem oportunidades em campos completamente distintos.   A busca pela realização profissional não tem um ponto de partida […]

Como mudar de área profissional? Veja como direcionar a sua carreira!

Como mudar de área profissional Ler mais

Imagine o seguinte trajeto profissional: uma pessoa termina os estudos básicos, ingressa em uma instituição de ensino superior, obtém um diploma e encontra uma vaga na sua área de formação. A partir do trabalho cotidiano contínuo, ela avança e cresce na carreira.   Parece muito simples, certo? O que esse […]